Arquivo da categoria: subjetividade

A Narrativa sobre nossa própria vida.

Nossa existência pessoal não é um amontoado desorganizado de fatos, seu sentido se mostra nas histórias que contamos para nós mesmos e para os outros. O estabelecimento de uma costura, feito um alinhavo de linhos, permite compreender as possibilidades que … Continuar lendo

Publicado em Dasein, Desenvolvimento Afetivo, existência, psicologia, psicoterapia, saúde mental, sofrimento psíquico, subjetividade | Marcado com , , , | Deixe um comentário

Paisagens da alma

“Os sentimentos que mais doem, as emoções que mais pungem,são os que são absurdos – a ânsia de coisas impossíveis, precisamente porque são impossíveis, a saudade do que nunca houve, o desejo do que poderia ter sido, a mágoa de … Continuar lendo

Publicado em ajuda psicológica, emoções, psicoterapia, sofrimento psíquico, subjetividade | Deixe um comentário

Cerca-me um vazio absoluto de fraternidade

“Cerca-me um vazio absoluto de fraternidade e de afeição. Mesmo os que me são afeiçoados não me são afeiçoados; estou cercado de amigos que não são meus amigos e de conhecidos que não me conhecem. Sinto frio na alma; não … Continuar lendo

Publicado em Crônicas, psicologia, relações humanas, subjetividade | Marcado com , , , , , | Deixe um comentário

Rios e suas profundezas

“Escrevendo, descubro sempre um novo pedaço de infinito. Vivo no infinito; o momento não conta. Vou lhe revelar um segredo: creio já ter vivido uma vez. Nesta vida, também fui brasileiro e me chamava João Guimarães Rosa. Quando escrevo, repito … Continuar lendo

Publicado em existência, Guimarães Rosa, poéticas, psicologia, relações humanas, subjetividade | Marcado com , , , | Deixe um comentário

Atendendo em Sorocaba

A partir do dia 01 de Novembro, passamos a atender também em Sorocaba/SP. Para agendar uma consulta ligar: (15) 996671483 ou (15) 3234 6671 – Horário Comercial Localizado na Av. Mário Campolim 335, Sala 2. Parque Campolim, Sorocaba – SP … Continuar lendo

Publicado em ajuda psicológica, fenomenologia, marcos marinho, psicólogos, psicologia, psicoterapia, sofrimento psíquico, stress, subjetividade | Marcado com , , , , , , , | Deixe um comentário

Sombra do meio-dia. A depressão.

Dor ou alegria, sol ou nuvens, para a depressão tanto faz. Quando ela decide atacar, a única defesa é atacar antes, diz autor de best-seller Mônica Manir – O Estado de S. Paulo Quando Andrew Solomon escreveu O Demônio do … Continuar lendo

Publicado em ajuda psicológica, Cuidado, desenvolvimento humano, emoções, estresse, luto, modernismo, perdas, psicólogos, psicologia, psicoterapia, saúde mental, significados, sofrimento psíquico, Solicitude, stress, subjetividade | Marcado com , , | Deixe um comentário
Imagem | Publicado em por | Deixe um comentário

Perdas irreparáveis e o Luto. O papel do Psicólogo.

Por Marcos E. F. Marinho A sensação que a maioria das pessoas sente de que a vida passa rápido demais, e mais, de que ela não é estável ou de águas calmas, é um aprendizado que a maturidade trás á … Continuar lendo

Publicado em ajuda psicológica, Cuidado, desenvolvimento humano, existência, fenomenologia, luto, morte, perdas, psicologia, psicoterapia, sofrimento psíquico, Solicitude, subjetividade, Velhice | 3 Comentários

Assumir as próprias escolhas

Marcos E. F. Marinho – Psicólogo CRP 06/93232 As pessoas são muito diferentes entre si, e diferentes são as escolhas que fazem sobre a vida que querem ou não levar. Ao contrário do ditado popular nem sempre querer é poder, … Continuar lendo

Publicado em ajuda psicológica, decisões, escolhas, estresse, existência, Liberdade, psicólogos, psicologia, psicoterapia, sofrimento psíquico, subjetividade | Deixe um comentário

Benefícios da Psicoterapia

A psicoterapia atua na resolução de conflitos pessoais, interpessoais, conjugais, familiares e profissionais. Seus benefícios são ampliar o foco do problema sob uma nova perspectiva, melhorar   seu    autoconhecimento e amadurecimento pessoal,  ajuda a lidar melhor com as crises existenciais e … Continuar lendo

Publicado em ajuda psicológica, psicólogos, psicologia, psicoterapia, relações humanas, sofrimento psíquico, subjetividade | Deixe um comentário